São João do Arraial tem primeiro caso confirmado da covid-19

Publicado em 28/05/2020 - 08h22

Após confirmação, paciente foi encaminhada ao hospital de referência em Esperantina

A Prefeitura de São João do Arraial, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, comunicou, nesta quarta-feira (27), a confirmação do primeiro caso de Covid-19 no município. A paciente é moradora da zona rural da cidade e, após o resultado positivo, foi encaminhada para o hospital de referência em Esperantina, e monitorada pelas equipes de referência da unidade. O boletim foi divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde, às 19h.

Para Vilma Lima, prefeita de São João do Arraial, o momento precisa ser de calma, mas também exige o reforço das medidas de prevenção e combate ao coronavírus. “Infelizmente, a covid-19 chegou em nosso município. Mais do que nunca, peço serenidade e atenção redobrada de todas as famílias sãojoanenses. Sobre as informações, fiquem certos que seremos totalmente transparentes e vamos continuar divulgando todos os dados referentes a essa doença”, explica Vilma.

Ainda de acordo com a gestora, a compreensão da população fará toda a diferença para os resultados futuros. “Afirmo que a Prefeitura tem colocado em práticas todas as orientações da Secretaria de Estado da Saúde, além de cumprir todos os decretos e orientações estaduais e da Organização Mundial de Saúde. Mas, quero pontuar que a participação individual será decisiva nesta luta. Cada família precisa compreender a ameaça e lutar, de forma conjunta à Prefeitura. Nenhuma medida surtirá efeito sem o apoio de cada cidadão”, pontua.

Sobre o resultado confirmado da covid-19, a secretária municipal de Saúde, Alcioneide Lopes, comenta que as estratégias serão intensificadas, com acompanhamento da paciente e da família. “Não há motivo para pânico, mas, sim, de responsabilidade! A paciente está cumprindo o isolamento social sob monitoramento constante dos profissionais de saúde. Neste momento, precisamos respeitar este sigilo para não fragilizar ainda mais a família e a paciente. Precisamos nos empenhar para vencermos esta batalha”, finaliza Alcioneide.