19 / 04 / 2017

A prefeita Vilma Lima (PT) de São João do Arraial esteve na cidade de Esperantina na última terça-feira (18) acompanhada dos secretários municipais de educação Rosinha Lima e da Administração Abdoral Melo. Participando do encontro de diálogo territorial para discussão popular sobre segurança pública, nos municípios do Território dos Cocais.
 
Intitulado “Diálogos Territoriais – Segurança, Participação e Desenvolvimento Sustentável”, o encontro foi realizado pelas Secretarias Estaduais de Planejamento, Segurança e de Governo, em parceria com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento-PNUD, e tem como objetivo a formulação participada de um plano estadual de segurança, contemplando a visão e as especificidades dos diversos setores populares de cada território.
 
“O Estado tem o dever de cuidar da segurança, mas se a comunidade não se integrar num plano participativo, essa segurança não consegue atingir a todos por falta de subsídio. Dentro dessa diversidade que a segurança precisa atingir, está também a segurança da população rural”, ressaltou o deputado Estadual e atual Secretário da SDR Francisco Limma (PT).
 

17 / 04 / 2017

A Prefeitura Municipal de São João do Arraial por meio das secretarias municipais de Agricultura e Assistência Social entregou cerca de 03 toneladas de peixes para a população carente de São João do Arraial no período da Semana Santa. Todos os peixes foram adquiridos de produtores locais por meio do PAA (Programa de Aquisição de Alimentos) da Agricultura Familiar.
 
A prefeita municipal Vilma Lima (PT), que esteve pessoalmente na entrega dos pescados, determinou que a distribuição fosse feita tanto na zona urbana como zona rural do município de modo a comtemplar o maior número de famílias possível com peixes na mesa. Durante o dia várias equipes se reversaram para fazer a distribuição.
A entrega na sede municipal ocorreu no Espaça Cidadania do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) na última quarta 12/04.  Todos pescados foram adquiridos em uma parceria da prefeitura com o Governo do Estado através da Secretaria de Estado do de Desenvolvimento Rural (SDR). 
 
 
ASCOM/PMSJA

12 / 04 / 2017

Avenida Vicente Augusto nas proximidades Banco dos Cocais ficou pequena para tanta gente na manhã desta terça 11/04, a população literalmente tomou o quarteirão inteiro, era o início do pagamento dos Roços da Semana Santa em São João do Arraial.  
 
Com o pagamento, a prefeitura lança cerca de 120 mil reais no bolso das famílias de trabalhadores por meio do pagamento das diárias de roços da Semana Santa, “o conhecido desjejum”. Cerca de 50% deste valor, ou seja, algo entorno de 50 mil reais pagos em Moeda Local, o COCAL.
A tradição que havia sido quebrada nos últimos 4 anos, mas foi retomada fortemente este ano pela atual gestão da prefeita Vilma Lima (PT). Os roços, além de melhorar o aspecto da cidade, proporcionam renda extra para as famílias de baixa renda do município e representam uma injeção de dinheiro na economia local no período da Semana Santa gerando trabalho e renda.
 
Com dinheiro no bolso, a população compra mais, consome mais: o peixe, o macarrão… e passa uma semana santa mais tranquila, é o que afirma o senhor Domingos Pompilio, um dos encarregados dos roços. Pompilio diz estar muito feliz com a volta dos roços da Semana Santa e afirma que a população aplaude a iniciativa da prefeita Vilma Lima (PT).
 
“A prefeita informa que com o pagamento das diárias foram injetados mais de 120 mil reais na economia local. E dinheiro no bolso do trabalhador que vai aquecer a economia local, isso é muito importante para os munícipes, pois representa mais vendas para o comércio, mais dinheiro no bolso das famílias trabalhadoras e mais distribuição de renda para o povo”.  
A prefeita encerra destacando que os recursos utilizados para os pagamentos das diárias de serviços da Semana Santa, serão pagos inteiramente com recursos do tesouro municipal, economizados ao longo dos primeiros meses da sua gestão à frente à prefeitura municipal. “Esse foi um compromisso que assumi perante o povo da minha terra, gastar os recursos do município com as pessoas que mais precisam dele". Finaliza.